Tornando-se vegetariano ou vegano: 10 dicas práticas

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Tornando-se vegetariano ou vegano: 10 dicas práticas 10

Como se tornar vegano

Muitas vezes, a decisão de se tornar vegetariana ou vegana é rápida, como uma espécie de “iluminação”. Às vezes, uma leve brisa sopra em seus ouvidos: você vê, você lê alguma coisa e depois o “E se …”. Aqui estão as 10 etapas a serem seguidas se você está pensando em executar essa etapa.

Esclareça as razões para você muito bem

Quanto mais os motivos pelos quais você está fazendo essa escolha estiverem firmes em sua mente, mais fácil será começar.

Não se preocupe com o julgamento / reação de outras pessoas

Se suas motivações são firmes e claras, ninguém será capaz de questioná-lo ou fazê-lo vacilar. A comparação será inevitável e também é justa. Estar sempre sereno e calmo: não há necessidade de proselitizar; seu exemplo é suficiente.

Tornando-se vegetariano ou vegano: 10 dicas práticas 11

Uma maneira de se manter informado e descobrir novas receitas é ler o Vegolosi MAG, nosso mensal digital. Descubra clicando na foto

Inquira muito bem

Precisamente porque muitos lhe perguntam por que, ou como você pode “viver sem carne” ou para enfatizar o quanto as vacas sofreriam por não serem ordenhadas, é bom ter fatos com os quais responder. Selecione livros, revistas, revistas, entrevistas e vídeos para ler e assistir. Forme sua própria opinião informada: é essencial.

Comece da cozinha, é claro

Talvez esqueçamos que a pirâmide alimentar humana não possui carne, nem leite e queijo em sua base. Sua nutrição já se baseia em cereais, legumes, frutas e legumes. A partir daí: aumente o consumo desses alimentos e escolha prefira formas inteiras para os refinados. Você pode tentar substituir uma refeição por dia, todos os dias: aqui sugerimos uma receita por dia para experimentar esse sistema.

Tornando-se vegetariano ou vegano: 10 dicas práticas 12

Uma das receitas da nossa revista online: macarrão com creme temperado com amêndoas e tomates secos

Cozinhe e experimente

A culinária vegana é muito rica, não apenas em sabor, mas também em idéias e novos ingredientes. Talvez você nunca tenha experimentado quinoa ou espelta, ou grãos de soja, brotos ou tofu … chegou a hora! Mas lembre-se de que alimentos “estranhos” não são fundamentais nem necessários para uma dieta baseada em vegetais.

Leia Também  Dia da Mulher: o menu vegano de 8 de março
cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Não se assuste

As “deficiências” atribuídas à escolha vegetariana ou vegana são deficiências das quais, na realidade, todos podem sofrer, mesmo aqueles que seguem um regime “onívoro”. O melhor é aprender que ferro, proteínas, vitaminas e “boas” gorduras existem no mundo das plantas. O único ponto de atenção é a vitamina B12, que não está presente no mundo das plantas: existem suplementos específicos. Para obter uma imagem completa de todas as questões nutricionais relacionadas à nutrição vegana, aqui está nosso especial dedicado à saúde 100% vegetal.

Tornando-se vegetariano ou vegano: 10 dicas práticas 13

Sem falta: há quem, sendo vegano, também ganhou um Oscar 🙂

Aprenda a ler os rótulos

Escolher ser vegetariano ou vegano diz respeito não apenas ao que comemos, mas também ao que vestimos, à maneira como nos movemos, à maneira como cuidamos do nosso corpo e de nossa casa. Portanto, cuidado com rótulos e acrônimos misteriosos.

Compartilhe sua escolha

Não é necessário ter debates, forçar amigos, maridos, filhos e parentes a se tornarem vegetarianos ou veganos. Apenas nosso exemplo: convide-os para jantar, compartilhe seu prato favorito com eles, sirva uma fatia de vegetais doces preparados por você e … aguarde a mudança!

Barras de biscoito de chocolate escuro

Você não desistirá de nada, apenas escolherá comer com mais consciência.

Tire sarro de si mesmo

Ter certeza de sua escolha não significa ser intransigente. Se alguém o provoca graciosamente, fique no jogo. A não-violência no prato também é a não-violência verbal, em comportamentos e atitudes.

Explore e aproveite

Cozinhe, leia, acompanhe debates, conferências, crie seu próprio espaço para compartilhar reflexões e pensamentos, fique calmo e convencido, mas, acima de tudo, se você decidir “voltar” ou se tiver incertezas ao longo do caminho, não desanime e não se julgue severamente: cada um de nós faz uma jornada pessoal e somente ouvindo nosso corpo e cabeça poderemos nos sentir bem e fazer com que todos se sintam bem (incluindo animais).

Leia Também  Serragem reciclada e borrachas entre materiais

A composição fotográfica é retirada do filme “Hamlet”, 1984, dirigido por Laurence Olivier







cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br