Remédios caseiros para dor de dente, remédios, alívio da dor, causas, cura

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Fatos que você deve saber sobre dor de dente

Remédios caseiros para dor de dente podem aliviar a dor, mas são soluções temporárias.

Remédios caseiros para dor de dente podem aliviar a dor, mas são soluções temporárias.

Dor de dente é uma dor que ocorre dentro ou ao redor de um dente. A dor se origina de um dente ou da gengiva e estruturas ósseas circundantes. Geralmente, a dor de dente é uma dor constante ou intermitente que não desaparece. Alterações de temperatura, como exposição a bebidas frias ou pressão sobre o dente enquanto mastiga, podem estimular uma dor de dente. Em outros casos, a dor no dente pode surgir espontaneamente, sem qualquer estímulo. Odontalgia é outro nome para dor de dente.

É difícil ignorar um dente dolorido ao comer ou passar o dia. A dor persistente nos leva a descobrir como se livrar de uma dor de dente. Embora incômodo, é uma maneira de o dente ou a área dolorosa sinalizarem que deve-se procurar atenção e cuidados de um dentista antes que as coisas piorem.

o que causas uma dor de dente?

Lesões ou traumas no dente ou na área geralmente causam dor de dente. A lesão geralmente é resultado de cárie dentária (ou cárie). As pessoas geralmente sentem cáries quando ficam maiores e mais profundas nas camadas da estrutura dentária. O esmalte é a camada externa dura e a dentina é a camada mais macia abaixo do esmalte. Dentina é a camada sensível do dente, com pequenos tubos microscópicos que se originam do centro do dente. A câmara pulpar (o centro do dente) contém a polpa. A polpa é composta de vasos sanguíneos e nervos. Se a cárie passar do esmalte para a dentina, a cavidade às vezes pode causar desconforto. Uma cavidade mais profunda que se aproxima do centro do dente provavelmente causará dor, pois há mais danos ao dente e menos estrutura do dente para isolar e proteger a polpa. A infecção localizada entre a gengiva e o dente (abscesso periodontal) pode causar dor de dente. Um golpe físico traumático no dente também pode induzir um dente dolorido.

Outras causas de dor de dente incluem o seguinte:

  1. Dente abscesso: Esta infecção se origina dentro do dente e se espalha para a raiz e o osso circundante.
  2. Dente danificado ou fraturado: A fratura de um dente pode expor a dentina sensível ou até a polpa. Às vezes, as fraturas não são óbvias, embora a linha da fratura possa penetrar profundamente no dente, causando dor nos dentes toda vez que alguém pressiona-o com mordidas ou mastigações (chamada "síndrome do dente rachado").
  3. Trabalho odontológico: Depois de obter um recheio ou coroa, o dente pode parecer mais sensível. Este é especialmente o caso se a remoção da cárie dentária for grande ou profunda. O trabalho odontológico, embora necessário, às vezes pode irritar o nervo. Com o tempo, a sensibilidade pode resolver se o dente estiver saudável o suficiente.
  4. Apertar ou triturar os dentes: Esse hábito é chamado bruxismo e, muitas vezes, é feito inconscientemente e à noite. Infelizmente, o bruxismo causa danos aos dentes e às vezes irrita os nervos ao ponto em que os dentes se tornam sensíveis.
  5. Infecção ou doença gengival: O periodonto consiste na gengiva, ligamento gengival e osso que circundam e ancoram os dentes. Os estágios iniciais dos problemas gengivais geralmente envolvem gengivas inflamadas, chamadas gengivites. A gengiva geralmente está vermelha, inchada e sangrará facilmente. Um problema gengival pode progredir para incluir o osso maxilar ao redor dos dentes e representa os estágios mais avançados da doença gengival (ou "periodontite"), onde há perda avançada de osso ao redor dos dentes. Devido à perda óssea, um abscesso gengival (infecção) pode se formar no espaço que se desenvolve entre o dente e a gengiva, causando dor.
  6. Superfícies radiculares expostas: Quando o osso e a gengiva protetora não cobrem mais as raízes dos dentes, essas superfícies podem ser sensíveis a estímulos, como escovar os dentes ou mudanças de temperatura.
  7. Sinusite: Como as raízes dos molares superiores estão muito próximas das cavidades dos seios maxilares, a inflamação das cavidades sinusais pode causar sensibilidade e sensação de dor de dente.
  8. Terceiros molares ("dentes do siso"): Os terceiros molares, também chamados de dentes do siso, são os últimos dentes permanentes a aparecer na boca. Na maioria das vezes, não há espaço suficiente para esses molares na boca. Como resultado, os terceiros molares ficam total ou parcialmente presos (impactados) dentro do maxilar e abaixo da gengiva. Devido à pouca acessibilidade, é difícil limpar adequadamente os terceiros molares parcialmente expostos; portanto, essas áreas são suscetíveis a problemas. Problemas com terceiros molares podem causar dor leve a intensa devido à pressão da erupção, infecção da gengiva ou cárie dentária.
Leia Também  Suas lentes de contato podem rastrear e tratar seu diabetes?

Uma mulher vai ao dentista porque está com dor de dente.

Sintomas de dor de dente

Os sintomas da dor de dente incluem dor aguda ou dor incômoda no dente ou ao redor dele. A causa mais comum de dor de dente é uma cárie dentária como resultado da cárie dentária.

  • As cáries dentárias e a dor de dente podem ser evitadas pela higiene bucal adequada.
  • Outra causa comum de dor de dente é a doença gengival.
  • A dor de dente também pode ser resultado de uma lesão ou abscesso do dente.
  • Os sintomas de dor de dente podem ser causados ​​por um problema que não se origina de um dente ou mandíbula.

Os sintomas de dor de dente podem ser simulados por infecção sinusal, herpes zoster e outras doenças.

O que são dor de dente sintomas e sinais?

Sinais e sintomas que podem indicar um problema dentário são

  • dor ao morder ou mastigar,
  • hipersensibilidade dos dentes às mudanças de temperatura,
  • bochechas ou gengivas inchando perto do dente,
  • descarga ou sangramento das gengivas,
  • pulsação constante dentro de um dente.

Uma dor de dente pode se apresentar como uma dor surda ou aguda que pode surgir espontaneamente por conta própria ou por estímulo.

Sintomas adicionais podem incluir

Como os profissionais de saúde diagnosticam uma dor de dente?

O dentista realiza uma série de testes de diagnóstico junto com os raios X dentários para determinar a origem de uma dor de dente. Esses testes tentam imitar o que pode estar causando a dor, como estímulos frios, pressão de mordida ou mastigação e pressão dos dedos nas gengivas. A resposta a um teste de estímulo ao frio pode ajudar a determinar se um dente é vital (o nervo está intacto dentro do dente) ou se sofre de pulpite (inflamação da polpa). Determinar a duração e a acuidade da dor dos estímulos frios pode ajudar a diagnosticar e determinar o tratamento.

Às vezes, a causa de uma dor de dente pode vir de algum lugar diferente de onde a dor é realmente sentida (chamada "dor referida"). Nessas situações, os testes de diagnóstico realizados pelo dentista são particularmente importantes na detecção precisa do problema.


Remédios caseiros para dor de dente, remédios, alívio da dor, causas, cura 1

IMAGENS

Dor de dente
Veja fotos de procedimentos odontológicos e condições de saúde bucal
Ver Imagens

O que é tratamento para dor de dente?

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

O tratamento da dor de dente depende da causa da dor e da quantidade de dano presente. Em geral, a melhor maneira de parar uma dor de dente é o dentista remover qualquer infecção ou cárie presente e reparar os danos para proteger áreas expostas e sensíveis. Para uma cavidade superficial em um dente, um dentista remove a cárie e sela o dente com um recheio. Se a cavidade for muito profunda e penetrar na polpa, o dentista realiza o "tratamento do canal radicular" porque a polpa foi exposta e infectada por bactérias. Este procedimento remove essencialmente todo o conteúdo vital do dente (nervos e vasos sanguíneos) e sela os aspectos internos do dente (sistema de canais radiculares) com um material de enchimento inerte. Um dente abscesso com infecção muito localizada geralmente precisa de tratamento do canal radicular com antibioticoterapia. Se a infecção se espalhar, pode ser necessário antibioticoterapia e etapas adicionais para drenar adequadamente a infecção. Os dentistas geralmente prescrevem analgésicos para controlar a dor. Às vezes, a extração do dente pode ser a única opção de tratamento se o dente ou a gengiva e o osso ao redor estiverem muito danificados.

Leia Também  Efeitos na saúde do tabaco de mascar (fatos sobre o câncer, como parar)

Para um abscesso periodontal, o dentista realiza um procedimento simples de drenagem sob anestesia local. Além disso, um dentista limpa completamente a bolsa gengival afetada para remover qualquer acúmulo de tártaro e detritos. Uma vez limpo, o bolso é irrigado com um enxaguamento antimicrobiano contendo clorexidina. Às vezes, os antibióticos são administrados localmente no bolso para ajudar ainda mais na cura. Dependendo da extensão do abscesso, um dentista pode prescrever antibióticos orais. Além disso, a curto prazo, o dentista pode prescrever o enxágue oral de clorexidina como enxaguatório bucal para ajudar na cicatrização. A área deve ser mantida limpa com escovação suave e enxágue com água morna. Recomenda-se uma visita de acompanhamento para garantir que a infecção tenha sido completamente resolvida e desenvolver um plano para manter adequadamente a área.

Para fraturas dentárias ou situações de síndrome do dente rachado, a colocação da coroa dentária é o tratamento usual. Uma coroa substituirá a estrutura do dente que está faltando e / ou ajudará a proteger o dente enfraquecido de outras quebras e sensibilidade.

Estamos remédios caseiros eficaz para dor de dente?

Geralmente, os remédios caseiros são eficazes apenas como uma medida temporária para acalmar fortes dores de dente e não se destinam a curar o problema. Como se tenta obter alívio instantâneo sem a ajuda de um profissional de odontologia? Medicação para dor oral será um passo fundamental. Medicamentos para venda sem receita, como ibuprofeno (Advil) ou naproxeno (Aleve), são medicamentos anti-inflamatórios não esteróides e devem ser tomados de acordo com o cronograma para aliviar a dor. O acetaminofeno (Tylenol) é um analgésico alternativo. Em alguns casos, doses alternadas de ibuprofeno e acetaminofeno são eficazes.

O óleo essencial, óleo de cravo, é um remédio para dor de dente que é realmente um ingrediente em alguns materiais de preenchimento dentário sedativos. É um remédio natural que tem um efeito entorpecedor e pode proporcionar alívio instantâneo. O óleo de cravo-da-índia (eugenol) pode ser encontrado na farmácia. Pequenas quantidades de óleo de cravo devem ser usadas na área afetada. Dilua algumas gotas em uma colher de chá de azeite para evitar queimar o tecido da boca. Antes da aplicação do óleo de cravo diluído, enxágüe bem a boca com água morna ou com água morna para limpar qualquer resíduo da área afetada. Em seguida, coloque uma pequena bola de algodão embebida em algumas gotas de óleo de cravo diluído na área do dente ou da gengiva. Aguarde alguns minutos após a aplicação para que o efeito de entorpecimento ocorra. Outros produtos que contêm benzocaína (incluindo Orajel ou Anbesol) podem entorpecer temporariamente os dentes ou gengivas afetadas e também aliviar a dor. Se o óleo de cravo-da-índia não estiver disponível, o azeite de oliva comum também pode proporcionar algum alívio, revestindo uma área dolorosa.

Leia Também  Love Hacks para aumentar a felicidade Wedded

Para ajudar na dor de dente até que o tratamento seja encontrado, deve-se evitar mastigar o dente / área afetada e minimizar as temperaturas extremas de calor e frio. Manter a área limpa e livre de detritos alimentares também pode ajudar. Água morna com sal ou água quente morna pode ajudar a acalmar a área afetada e a manter a boca limpa. Se houver inchaço das gengivas ou tecidos circundantes, recomenda-se tratamento imediato com um dentista ou médico para evitar a propagação da infecção. Remédios caseiros podem aliviar temporariamente a dor, mas não tratam infecções.

Acima de tudo, é altamente recomendável o diagnóstico adequado e o tratamento oportuno por um dentista para tratar efetivamente uma dor de dente.


Remédios caseiros para dor de dente, remédios, alívio da dor, causas, cura 2

QUESTÃO

O que causa cárie dentária?
Ver resposta

Como é tratada uma dor de dente na gravidez?

Os dentistas podem realizar o tratamento com segurança durante a gravidez, desde que sejam seguidas algumas orientações.

Geralmente, se é necessário trabalho odontológico para tratar uma dor de dente, o tempo recomendado para o tratamento é durante o segundo trimestre da gravidez. No entanto, se houver risco de infecção ou dor intensa, o tratamento dentário pode precisar ser realizado a qualquer momento durante a gravidez. O obstetra é consultado sobre qual seria a opção mais segura para evitar possíveis complicações durante o tratamento odontológico.

Se for necessária uma radiografia dentária, sempre será usado um avental de chumbo para cada paciente. Para uma paciente grávida, isso é particularmente importante na proteção do feto.

Uma consideração cuidadosa deve ser feita para garantir que todos os medicamentos utilizados sejam seguros durante a gravidez. Isso se aplica aos anestésicos locais administrados durante o tratamento odontológico e aos antibióticos (como amoxicilina (Amoxil, Trimox, Moxatag, Larotid)) tomados antes ou após o tratamento. Medicamentos de venda livre, como aspirina, ibuprofeno ou naproxeno, são evitados, pois não são considerados seguros durante a gravidez. O acetaminofeno é considerado seguro para o controle da dor.

Se inscrever Boletim Geral de Saúde da MedicineNet

Ao clicar em Enviar, concordo com os Termos e Condições e Política de Privacidade da MedicineNet e entendo que posso optar por não participar das assinaturas da MedicineNet a qualquer momento.

Qual é o prognóstico para uma dor de dente?

Na maioria das vezes, o prognóstico é bom para uma dor de dente. Nesta era de atendimento odontológico moderno, os dentistas podem identificar rapidamente o problema e tratá-lo de forma eficaz. O resultado é melhor quando a dor de dente é tratada o mais cedo possível para evitar mais danos ou risco de disseminação da infecção.

É possível prevenir uma dor de dente?

Esforços conscientes para praticar uma boa higiene bucal ajudam bastante na prevenção de problemas dentários. Escovar os dentes com creme dental com flúor e usar fio dental é essencial para um bom atendimento odontológico em casa. Além disso, visitas regulares de manutenção a um dentista podem servir para manter as coisas sob controle. Cavidades pequenas podem ser encontradas antes de se transformar em cavidades maiores ou em um dente abscesso. Problemas gengivais, incluindo abscesso periodontal, podem ser tratados antes de avançar para um estado mais doente.

Para manter os dentes fortes, evite o hábito de mastigar gelo ou alimentos muito duros que podem causar fraturas. Usar nossos dentes como uma ferramenta para abrir um saco de batatas fritas ou quebrar uma casca de noz aumenta as chances de uma fratura dentária também. Minimize alimentos ou bebidas com alto teor de açúcar para diminuir o risco de cárie dentária. Lembre-se da acidez nas bebidas, pois isso pode ser uma fonte de sensibilidade e cáries para os dentes.

A partir de Logotipo WebMD

Soluções em Saúde De nossos patrocinadores

Avaliado clinicamente em 08/11/2019

Referências

Burgess J. "Gerenciamento da Dor em Odontologia". Medscape. 10 de outubro de 2017.
.



cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br